web space | free hosting | Business Hosting | Free Website Submission | shopping cart | php hosting

O Heinkel He111

 


O Heinkel He 111 era um bombardeiro médio que foi também utilizado como aeronave de transporte. As primeiras unidades do He 111 voaram na Espanha, durante a Guerra Civil em 1936. Era uma boa aeronave, mas sofreu muito durante a Batalha da Inglaterra, principalmente por falta de cobertura da caça alemã, visto que o raio de ação dos Me 109 não permitia mais do que 20 minutos proteção sobre o território inglês.

Foi mantido em produção por muito mais tempo do que deveria ter sido, mas a Luftwaffe não tinha outra aeronave para colocar em seu lugar. No total foram produzidas cerca de 7.300 aeronaves. Comparando-o com as aeronaves aliadas do mesmo tipo, o He 111 era pouco armado defensivamente. Com uma tripulação de quatro ou cinco, possuía uma metralhadora atirando para frente, uma para cima e uma na parte de baixo, apenas.

As primeiras versões do He 111 eram equipadas com motores de 700 HP Daimler-Benz DB600CG, que forneciam uma velocidade máxima de 370 km/h, um teto operacional de 7.000 m e um raio de ação de 1.660 km. As metralhadoras eram de 7.9 mm e podia carregar uma carga de bombas de 1.500 kg.

O He 111 H-16, que entrou em serviço em 1943, era operado por cinco tripulantes. Seus motores eram o Junkers Jumo 211F-2 com 990 HP, que o faria alcançar uma velocidade máxima de 405 km/h, um teto operacional de 8.500 m e um raio de ação de 2.060 km.  Seu armamento era melhorado, quando comparado com as versões anteriores: um canhão de 20 mm, uma metralhadora pesada de 13 mm e cinco metralhadoras de 7.9 mm, além de poder carregar 3.250 kg de bombas (algumas sob as asas)..